Pular para o conteúdo principal

O "cartola" Robert Plant


Robert Plant, lendário ex-vocalista do Led Zeppelin, foi recentemente nomeado vice-presidente do tão tradicional quanto modesto Wolverhampton Wanderers Football Club.

A nomeação é uma homenagem ao fã mais ilustre da agremiação e uma estratégia de marketing do clube para assegurar mídia e incentivar ainda mais seus torcedores a apoiar a equipe, que nesta temporada disputa a Premier League.

Os 10 anos à frente do Led já seriam o bastante para lhe garantir um caminhão de prestígio entre os torcedores dos Wolves, mas por ter ganho 5 Grammys em 2009 pelo álbum "Raising Sand" gravado em parceria da cantora folk Alison Krauss (cá entre nós, chato pra caramba - saudades do velho e bom estilo hard rock “tight but loose” ) e ter recebido recentemente a Ordem do Império Britânico (foto), o nome de Plant está ainda mais em alta no Reino Unido.

Apesar de ter nascido em West Bromwich, Robert Plant foi criado em Halesowen, pequena cidade localizada a poucos quilômetros de Wolverhampton, o que explica em parte seu amor incondicional pelo clube, que há décadas tem tido campanhas para lá de medíocres.

Sua voz já não alcança notas mais agudas como na abertura de Immigrant Song há muito tempo. Vejamos se para torcer nas arquibancadas ela ainda dá um caldo. O objetivo dos Wolves na temporada 2009/2010 é continuar na divisão de elite inglesa, tarefa que não será nada fácil.

Comentários